Federação Catarinense de Handebol















 










 


Fechar [ X ]
Aguarde...

Nº Visitantes: 2134027
Contatos  
 

LINKS ÚTEIS

Escola Nacional de Esportes
CBHb
IHF
Fesporte
CED/SC
TJD/SC
Mapa de Distâncias/SC
Confira o Tempo - INMET
 
 

RECADOS

 
Adule haidar
São José - Sc
15/05/2018 17:17:26
Boa tarde, já faz um tempo estou a procura de encontrar um lugar ou um time pra treinar e jogar, não sou daqui de Santa Catarina, sou do Mato Grosso do sul, ja joguei um brasileiro, quero muito jogar(+5567998483384) nasci em 1998...


 
 
 

NOTICIAS

Novas regras de handebol entram em vigor no dia 1° de agosto


Data / Hora:  28/07/2010 14:19:54
Fonte:  Photoegrafia
 
As novas regras de handebol aprovadas pela Federação Internacional de Handebol (IHF) serão implantadas no Brasil a partir do dia 1° de agosto. As principais mudanças foram realizadas no artigo oito (Faltas e condutas anti-desportiva), a fim de proteger os jogadores de faltas violentas. As alterações já entraram em vigor desde o dia 1° de julho no resto do mundo e estão sendo aplicadas no Mundial Júnior Feminino de Handebol, disputado na Coreia do Sul até o final deste mês.
O código foi revisado pela Comissão de Árbitros e Treinadores da IHF e as modificações sugeridas foram aprovadas por uma comissão eleita pela entidade no Congresso da IHF, em junho, no Cairo (Egito). No Brasil, a tradução das novas regras para o português foi realizada pelo diretor de arbitragem da Confederação Brasileira de Handebol (CBHb), Sálvio Sedrez.
As alterações passarão a valer na rodada da Liga Nacional Masculina e Feminina de Handebol a partir do dia 5 de agosto. - Adiamos a implantação para esse mês para que árbitros e treinadores tivessem mais tempo para se adaptar -, afirmou o diretor de arbitragem. Sálvio acredita que, com as modificações, será possível proteger ainda mais a integridade física dos atletas. - Os árbitros terão ainda mais clareza para aplicar uma punição-, afirmou.
Uma das mudanças mais significativas do novo código é a partir da regra 8.3 até 8.10, no qual explica com mais clareza e objetividade quais os critérios que deverão ser utilizados pelos árbitros para aplicar uma punição. No handebol, as infrações podem ser sancionadas de três formas: com uma exclusão de dois minutos imediata, em que o jogador pode retornar após cumprir esse tempo; com uma desqualificação, na qual o atleta não pode retornar à quadra, mas outro poderá substituí-lo após dois minutos; e ainda com a desqualificação somada a um relatório escrito enviado pelos árbitros ou delegado da partida ao Tribunal de Justiça de Handebol. Neste caso, o jogador deverá ser julgado e, possivelmente, sofrer novas punições.
Esta última mudança substitui definitivamente a expulsão que agora não existirá mais. Além disso, foram realizados ajustes, inclusões e exclusões de textos e palavras, que melhoram significativamente o entendimento das regras.
 
Confira as outras alterações:
1 – A volta do termo capitão para designar um atleta que representa a equipe nos sorteios;
2 – Definição de uma nova área do técnico localizada em frente ao banco de suplentes. Agora será limitada em três metros e meio a partir da linha central, onde o treinador só poderá entrar para requisitar o tempo técnico;
3 – Os quatro oficiais de equipe não poderão usar roupas com as mesmas cores da equipe adversária;
4 – A numeração dos jogadores agora obedecerá a ordem de 0 a 99;
5 – A adoção do termo pré-passivo para substituir o antigo termo sinal de advertência de jogo passivo;
6 – A desqualificação direta do goleiro que, ao sair de sua área de gol, produzir qualquer tipo de choque com o adversário.
 
OUTRAS NOTÍCIAS
 

PARCEIROS

361
MASCOTINHA
 
 

NEWS LETTER

 
Cadastre-se e receba nossas notícias semanalmente em seu email.
Nome:
Email:
 
 
 
 
  [indique-nos] [comunicar erros]  
FEDERAÇÃO CATARINENSE DE HANDEBOL - FCHb
Rua: Julio Boppré, 2326
Tubarão/SC - Oficinas - 88.702-360
E-mail: fchb@fchb.com.br - Novo Telefone: (48)9624.1068
Desenvolvimento de Sites