Federação Catarinense de Handebol















 









Fechar [ X ]
Aguarde...

 
Nº Visitantes: 2463961
Contatos  
 

LINKS ÚTEIS

Escola Nacional de Esportes
CBHb
IHF
Fesporte
CED/SC
TJD/SC
Mapa de Distâncias/SC
Confira o Tempo - INMET
 
 

RECADOS

 
ALESSANDRA
Florianópolis - San
21/08/2019 17:37:33
boa tarde,

gostria de indicação de escolinha de handebol na grande florianópolis para minha filha de 12 anos....


 
 
 

NOTICIAS

Seleção Masculina de Handebol faz último amistoso antes de convocação definitiva para o Mundial


Data / Hora:  20/12/2012 17:43:09
Fonte:  photoegrafia

Santo André (SP) - A Seleção Brasileira Masculina de Handebol quer o apoio da torcida para garantir mais uma vitória contra a Coreia do Sul, nesta sexta-feira (21), depois de passar pelo primeiro teste contra os adversários orientais, com um placar de 27 a 25, na noite de ontem. O segundo confronto entre brasileiros e coreanos, válido pelo Desafio Internacional, será disputado às 19h, no ginásio poliesportivo Adib Moysés Dib, em São Bernardo do Campo (SP), e será transmitido pelo canal SporTV2. A série de dois jogos faz parte da preparação do Brasil para o Campeonato Mundial, que será disputado de 11 a 27 de janeiro, na Espanha. Ao final do confronto, o técnico Jordi Ribera irá divulgar a lista dos jogadores convocados para a competição.

A Coreia do Sul, apesar de não integrar o grupo do Brasil no principal campeonato da modalidade, é uma equipe bastante técnica e veloz, por isso, estes dois jogos irão contribuir muito para a preparação do grupo nesta reta final. Para o comandante da Seleção, o primeiro jogo já foi bastante proveitoso e ele espera ver a equipe ainda mais solta em quadra no segundo desafio. "É muito bom jogar com uma Seleção de bom nível e saber que podemos vencer. A Coreia é uma equipe de qualidade e muito rápida, apesar de ter um estilo diferente dos nossos adversários na primeira fase do Mundial. Porém, é um time de qualidade e não podemos relaxar em nenhum momento dentro de quadra", analisou o treinador.

As partidas contra a Coreia do Sul exigem muito preparo físico dos brasileiros, já que os adversários se destacam pelos contra-ataques velozes. "Tivemos alguns pequenos problemas de lesão na primeira partida, como o Thiago que sentiu o tornozelo e o Arthur teve dores no ombro. Espero que até amanhã, eles já estejam recuperados e possamos melhorar ainda mais", contou Jordi.

O ponta André Martins, o Alemão, gostou da postura do grupo no primeiro jogo e acredita que o segundo será melhor ainda. "Foi bom para pegarmos um pouco mais de entrosamento. Melhoramos no decorrer da partida e é assim que temos que entrar em quadra novamente. Temos que conversar para fazermos os acertos necessários e impor o nosso jogo", comentou.

Para a Coreia do Sul, o jogo contra o Brasil também foi bastante positivo, apesar de não conseguirem a vitória. O armador direito Seho Kim disse que o grupo fará de tudo para sair com o resultado favorável desta vez. "Não fiquei satisfeito com esse resultado, mesmo sabendo que o mais importante para nós nesse momento é o entrosamento. Na próxima partida, esperamos estar mais adaptados ao fuso-horário e, assim, nos apresentarmos melhor."

Sang Sup Lee, técnico da equipe asiática exaltou o potencial físico dos brasileiros, que, segundo ele, fez a diferença. Para o treinador, esta oportunidade de fazer dois jogos contra a Seleção também está sendo imprescindível na preparação para o Mundial. "O nosso foco é treinar. A Seleção Brasileira vem crescendo muito e tende a crescer ainda mais. É um time muito bom fisicamente e veloz", analisou.

O Brasil faz parte do grupo A no Mundial, ao lado de França, Argentina, Tunísia, Montenegro e Alemanha, que tem sede em Granollers. A Coreia do Sul está no grupo C, junto com Polônia, Sérvia, Bielorrússia, Kasaquistão e Eslovênia.

A programação da Seleção Brasileira para esta fase se encerra após o confronto. O grupo retorna no dia 26 e fica reunido até 29 de dezembro, com mais treinamentos no ABC Paulista. No dia 2 de janeiro, a equipe embarca rumo à Madrid, na Espanha, para a disputa de um quadrangular. Além da equipe, farão parte da disputa a equipe anfitriã, Chile e Japão. No dia 7, o Brasil segue para Granoller, onde disputará a primeira fase do Mundial.

Seleção Brasileira

Goleiros: Cesar Augusto de Almeida (EC Pinheiros-SP), Luiz Ricardo do Nascimento, Leonardo Tercariol (Metodista/São Bernardo/Besni-SP) e (Metodista/São Bernardo/Besni-SP).

Pivôs: Alexandro Pozzer (EC Pinheiros-SP), Emerson Santos Silva (Unimed/UEM/Maringá-PR) e Vinícius Santos Teixeira (Metodista/São Bernardo/Besni-SP).

Armadores: Arthur Malburg Patrianova (EC Pinheiros-SP), Fernando José Pacheco Filho (EC Pinheiros-SP), Francisco Jorge da Silva (Metodista/São Bernardo/Besni-SP), Guilherme Valadão Gama (Metodista/São Bernardo/Besni-SP), Gustavo Colombelli Alessio (Foz do Iguaçu-PR), Gustavo Nakamura Cardoso (Metodista/São Bernardo/Besni-SP) e Oswaldo Maestro Guimarães (EC Pinheiros-SP).

Centrais: Diogo Kent Hubner (Metodista/São Bernardo/Besni-SP), João Pedro Francisco da Silva (EC Pinheiros-SP) e Thiago Roberto Torres dos Santos (TCC/Unitau/Unimed/Tarumã/Taubaté-SP).

Pontas: André Martins Soares (TCC/Unitau/Unimed/Tarumã/Taubaté-SP), Fábio Rocha Chiuffa (Metodista/São Bernardo/Besni-SP), Gil Vicente de Paes Pires (TCC/Unitau/Unimed/Tarumã/Taubaté-SP) e Lucas Benedito Cândido (TCC/Unitau/Unimed/Tarumã/Taubaté-SP).

Os Correios são o patrocinador oficial do Handebol do Brasil, a ASICS é a marca oficial de material esportivo e a Penalty a fornecedora de bolas.

 
OUTRAS NOTÍCIAS
 

PARCEIROS

MASCOTINHA
 
 

NEWS LETTER

 
Cadastre-se e receba nossas notícias semanalmente em seu email.
Nome:
Email:
 
 
 
 
  [indique-nos] [comunicar erros]  
FEDERAÇÃO CATARINENSE DE HANDEBOL - FCHb
Rua: Julio Boppré, 2326
Tubarão/SC - Oficinas - 88.702-360
E-mail: fchb@fchb.com.br - Novo Telefone: (48)9624.1068
Desenvolvimento de Sites